Ilha Vulcânica cresce no Japão

(com National Geographic)

A ilha de Nishino Shima é parte das “Volcano Islands”, e está localizada a cerca de 970 Km ao sul de Tokyo, parece, a princípio, não ter nada de especial. Até 1973, era uma ilha verde, que consistia na parte visível de um vulcão submarino inativo há cerca de 10 mil anos. Em 30 de maio de 1973, o vulcão acordou de seu longo sono e permaneceu ativo por quase um ano, formando uma nova ilha e mudando completamente a topografia da região.

Impacto das erupções na Topografia de Nishinoshima (Fonte: volcano.si.edu)

Impacto das erupções na Topografia de Nishinoshima (Fonte: volcano.si.edu)

Em 2013, o vulcão voltou à ativa, em outra cratera: primeiro, formou uma nova ilha. Depois, a lava fundiu a ilha recém formada com a ilha principal. E, atualmente, a lava tomou conta até da área que era pertencente à ilha original, aumentando significativamente a área da ilha.

A Guarda Costeira japonesa tem feito inspeções regulares na área, verificando o crescimento o crescimento da área de Nishino Shima desde o começo dessa nova erupção. A ilha, que tinha 650 por 200 metros antes de 1974, já está com cerca de 2,45 Km² de extensão atualmente, segundo os dados coletados empiricamente pela Guarda Costeira e imagens de satélite da NASA.

Isso é cerca de 11 vezes maior do que antes da erupção de 2013. A atividade vulcânica é tão intensa que barcos estão proibidos de se aproximar da ilha, por conta do risco de queimaduras e de avarias nas embarcações. Os japoneses fizeram um gráfico mostrando como a área da ilha cresceu nos últimos dois anos:

Evolução da costa de Nishinoshima nos dois últimos anos (Fonte: Guarda Costeira Japonesa)

Evolução da costa de Nishinoshima nos dois últimos anos (Fonte: Guarda Costeira Japonesa)

O vulcanologista Kenji Nogami disse, em entrevista para a NHK, que “a alimentação regular de magma prossegue normalmente”, e que a ilha deve continuar crescendo. De acordo com medições realizadas via satélite, o cume do vulcão já está a cerca de 110 metros de altitude. A ilha de Nishino Shima antiga tinha altitude máxima de 60 metros, justamente na cratera que irrompeu em 1973.

A guarda costeira divulgou um vídeo do vulcão em erupção. Prestem atenção na fumaça subindo quando a lava vulcânica se encontra com o mar.  É essa fumaça, no encontro entre a terra e o mar, que indica a expansão da ilha:

Anúncios
Esse post foi publicado em Geofísica, Geologia e marcado , , . Guardar link permanente.

Dê sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s